Televisão da Alemanha noticia pesquisa com paleontólogo da UnC


  • 2 de Setembro de 2019

A participação do pesquisador do Centro Paleontológico da Universidade do Contestado (CenPaleo), João Henrique Zahdi Ricetti, nas escavações de um "afloramento" (local onde as rochas afloram à superfície) de fósseis raros e preciosos de insetos, anfíbios, peixes, plantas e pegadas de tetrápodes foi noticiada em reportagem da televisão da Alemanha, MDR Thüringen Journal.

As escavações no local, chamado de Cabarz, identificaram os fósseis preservados em antigos lagos e sistemas de rios do início do Período Permiano (cerca de 300 milhões de anos atrás). O afloramento, que é muito rico em fósseis, fica na região das Florestas das Montanhas do estado alemão da Turíngia (Thüringen).

A escavação é realizada pelo Museu de História Natural de Schlosingen e conta com a participação da Universidade de Freiberg,  e de colaboradores internacionais, como do Brasil, da Rússia e da República Tcheca.  Os resultados dessas escavações farão parte de pesquisas mantidas no cunho internacional, a serem publicadas em breve.

O paleontólogo brasileiro permanece por um período de sete meses estudando na Universidade Alemã T. U. Bergakademie Freiberg, na cidade Saxã de Freiberg. A pesquisa a ser desenvolvida por Ricetti  na instituição tem como objetivo a investigação acerca dos insetos fósseis que viveram durante os Períodos geológicos Carbonífero e Permiano), especialmente na região onde hoje encontra-se o município de Mafra. Com financiamento aprovado pelo DAAD (Deutscher Akademischer Austauschdienst), a pesquisa foi selecionada entre várias propostas nacionais a serem desenvolvidas em território alemão. Ainda, a pesquisa conta com o apoio fundamental da Universidade do Contestado, que busca incentivar as pesquisas científicas em curso na UnC, desta vez com foco nas Geociências, promovendo assim a internacionalização da pesquisa universitária.

A reportagem pode ser acessada AQUI